sexta-feira, 8 de julho de 2011

Mistura (quero mistura) *



Mistura!
Uma mistura
Na minha pele

Escura
Pele do povo
Apela, pede

Mistura:
Quero mistura
nessa pele

Pura?
Não tem não!

Negrura
Brancura nega
Escura pele

Nervura
Entra na carne
O sabor

Da Mistura

Me passo por branco
Me passo por negro

Pura
Não tem não.

*De uma série de poemas lançados em livro de produção independente, ano de 2005: Coleções, de Mirelly Câmara

Nenhum comentário:

Postar um comentário